Café. Vilão ou mocinho?

Hoje vamos falar de um dos alimentos mais consumidos no Brasil e que, inclusive, faz até parte da história do país figurando como principal produto de exportação da economia brasileira entre os séculos XIX e XX.


O café, ou mais precisamente a cafeína, faz parte da nossa história e da nossa rotina, independente de nós consumimos ou não. Então nada melhor que estudarmos um pouco desse alimento e entendermos quais os benefícios das suas substâncias no nosso organismo e como de alguma forma a cafeína pode ser prejudicial a nossa saúde.

Fique atento as informações!



Vamos começar com o lado bom do café, ou seja, vamos conhecer mais dos seus benefícios à nossa saúde e o nosso corpo:


Baixo teor calórico: Para nossa alegria café possui quase 0% calorias. É uma rica fonte de minerais como o sódio, tiamina, niacina, ácido fólico, fósforo, magnésio, manganês, e ainda o potássio e a riboflavina. Sendo assim, o café também é um excelente estimulante para o organismo proporcionando sensações de bem estar e disposição física.


Previne males relacionados à memória: A cafeína, presente em 95% do café em si, ajuda na manutenção da memória porque inibi os efeitos da adenosina e ajudam a manter a eficiência neuronal do cérebro liberando neurotransmissores como a dopamina e a norepinefrina. Com esse fortalecimento neurológico, estudos demostraram que a cafeína também é capaz de prevenir doenças que estão relacionadas a esses componentes, como o mal de Parkinson.


Auxilia na redução de glicose: Para os diabéticos, o café pode ser um excelente aliado porque contém o ácido clorogênico e a trigonelina alcalóide que auxilia na redução de glicose e insulina, sendo assim muito útil para pacientes diabéticos tipo II. Mas vale ressaltar que nós estamos falando do café puro e sem adicional de nenhuma outra substância como o próprio açúcar que, é claro, pode anular esses benefícios.


Fortalece o sistema imunológico: Pela presença de uma grande quantidade de antioxidantes, o café também pode ser muito útil também para o fortalecimento do sistema imunológico.


Muito bem, falamos de todos os benefícios do café, mas também lembramos que todos eles podem ser extraídos através de um consumo moderado e consciente. Caso contrário, seguem todos os males que o consumo desregrado do café pode trazer:


Transtorno mental: Pesquisadores afirmam que o consumo excessivo do café pode trazer transtorno mental temporário bem como síndrome de abstinência. Tais efeitos da intoxicação podem vir sob os sintomas de: nervosismo, inquietação, espasmos musculares, confusão na fala, insônia e disritmia cardíaca.


Pode causar dependência: Ainda que em um nível mais brando do que outras substâncias, a cafeína também pode causar dependência ao organismo. A interrupção total do consumo do mesmo após um longo período de consumo frequente e rotineiro pode causar dor de cabeça, fadiga, dificuldade de concentração e até depressão leve.


Diante de todas essas informações você pode tirar suas próprias conclusões decidir, ou não, tomar um bom café.


Ressaltamos também que o café é contraindicado para pessoas que sofrem com insônia, osteoporose avançada, irritações no estômago e hipersensibilidade à cafeína.

#Café #bemestar #saude

Posts em Destaque
Posts Recentes